Home » MUSEU DIGITAL DE ALCÁÇOVAS » FIGURAS  

 

Nome

Arsénio Maria

Outros nomes

Bacalhau

Tipo

Poeta popular / décimista

Cronologia

1808-1893

Localização

Évora.Viana do Alentejo,Alcáçovas

Descrição

Poeta popular, natural da vila de Alcáçovas. Joaquim Pedro Alcântara (Alcântara 1890: 90-95) edita um corpus de cinco composições da autoria deste poeta.

Estas composições são formadas por grupos de três décimas espinelianas, sem mote.

Na década de oitenta do Séc. XIX, o recurso à décima tinha por base um mote desenvolvido em quatro décimas. Nenhuma das composições de Arsénio Maria obedece a este protocolo, o que significa que este usa modelos anteriores à estruturação dada pelo Canto do Fado, que ocorreu entre as décadas de 1870/’90. Assim, a obra de “Bacalhau” deverá estar inserida nas fórmulas populares de uso da décima espineliana antes deste período, ainda ancorado no período barroco.

A informação da sua morte é dada pelo termo de enterramento datado N.º 32, datado de 21 de Novembro de 1893.

Segundo esse termo, Arcenio Maria Bacalhau, natural de Alcáçovas, tnha 85 anos, era viúvo, e filho legítimo de Sebastião Bacalhau e de Constantina Baza. Faleceu a 20 de Novembro de 1893, pelas 8 horas da noite, cachexia senil.

Genograma

 

Documentação

Termos de enterramento de pessoas maiores de 7 anos. De 1893 a 6 de Agosto de 1904. [Arquivo Histórico da Junta de Freguesia de Alcáçovas]

Alcântara, Joaquim Pedro. (1890). Breves memorias da Villa das Alcaçovas. Évora: Minerva Eborense.

Autor

PL

| Fundamento e Décimas |